domingo, 9 de janeiro de 2011

O Vento

Um fim de tarde
As nuvens estão escuras
Um ar de solidão
Ecoa pelas ruas

As folhas se espalham pelo chão
Algumas pétalas se perdem no ar
De repente uma dor no coração
Mas nem ligo, queria ser livre pra voar

Mas ele vem com força
É ele que causa a dor
Ele traz lembrança
Traz as nuvens e o frio
Mas vejo uma saída, uma esperança
Será que traria você...

Ou só é mais um arrepio?

Me deixou louco


Ela se levanta
Querendo me enfeitiçar
Ela grita
Querendo me afugentar (Mas acaba me dando força)
Ela me beija
Querendo me embriagar
Ela canta
E acaba me encantando
Com suas loucuras

Suas armas são as loucuras
Me conquistou
Suas armas são as loucuras
Me deixou louco

Me da rosas negras
Querendo me agradar
Ela dança na chuva
Querendo me seduzir
Não vou agüentar!

Suas armas são as loucuras
Me conquistou
Suas armas são as loucuras
Me deixou louco



Obs: Escrevi essa letra para ser uma música da minha falecida banda Apolo's Headache. Foi inspirada na música Right Here In My Arms da banda finlandesa HIM (His Infernal Majesty).