quinta-feira, 15 de julho de 2010

Eu sei que o tempo não vai parar

A noite vem escurecer
O céu quando eu não quero.
Você me abraça
E diz que o tempo não para.

Adoro o “estado” que estou
Mas o tempo não para
E o relógio parece que dispara.

Os segundos passam tão rápido
Que nem sinto direito o que acontece comigo.
As horas e o vento
Passam tão rápido que nem consigo viver direito

Adoro o “tempo” em que estou
Tenho que aproveitar o que me restou
Pois o resto...
Não demora a passar.

3 comentários:

  1. Dondoco Palafita Boy =D
    Muito legal seu blog. Por que não me disseste que tinhas um ? *-*

    Espero ler mais poemas seus, que são muito interessantes! Beijão.

    ResponderExcluir
  2. hm gostei mto da poesia,olha eu sei como eh sentir q o tempo passar rapido quando se quer q ele fique parado,mas sim a noite,o tempo,o resto,o vento,o estado isso tudo inclui o passar dos tempos,
    voce e um garoto brilhante e tem um futuro pela frente,adore msm,seu blog e mto lindo,e vc tbm se quiser comentar no meu nas minhas poesias comenta ok?*-*...
    vc e mto especial o/
    gostei de vc pq expressa os seus sentimentos nas poesias,e q nem eu,pq isso e unico neh?,e nosso geito de falar,de mostrar e vc sabe usar a palavras certas..
    ganhou minha adimiraçao ,
    bjos *;

    ResponderExcluir
  3. Ainda precisa beber da maturidade.

    ResponderExcluir