domingo, 16 de maio de 2010

Não Vou Aguentar


Abro os olhos e te vejo
amarrada aos meus pulsos
Querendo me tentar
Abro os braços e você
beija meu peito com batom preto
Não vou agüentar...

Eu não vou agüentar e essa tentação
Pois minhas guerras já estão perdidas
Perdidas, perdidas!

O teu frio me dá arrepio
Mas tua escuridão me excita
Quero me aprofundar...
O teu beijo negro me faz delirar
Não sei quais são as suas armas
Acho que estou rendido...

Eu não vou agüentar e essa tentação
Pois minhas guerras já estão perdidas
Perdidas, perdidas, perdidas!

Eu não vou agüentar e essa tentação
Pois minhas guerras já estão perdidas
(As minhas guerras já estão perdidas)
As minhas guerras
Minhas guerras
Minhas guerras já estão perdidas...

E o teu beijo negro me faz delirar
Eu não sei quais são suas armas
Eu não vou agüentar essa tentação
Pois minhas guerras já estão perdidas

As minhas guerras já estão perdidas
As minhas guerras já estão perdidas
As minhas guerras já estão perdidas
As minhas guerras já estão perdidas



[essa é a letra de uma música que eu fiz pra minha "banda", mas estamos parados, porém, pra mim, o projeto ainda está de pé]

2 comentários:

  1. Essa me faz lembrar de poemas góticos que leio tanto...adorooooooooooooooooooo!!!
    Mt perfeita....

    [...]
    O teu frio me dá arrepio
    Mas tua escuridão me excita
    Quero me aprofundar...
    O teu beijo negro me faz delirar

    ResponderExcluir
  2. Isso me fez lembrar quando estava num momento gotico

    ResponderExcluir